Arquivos sobre a SISTEL


REGULAMENTOS DE PLANOS, CARTILHA e ESTATUTO:

Estatuto:
Estatuto da Sistel Atual (jun17)
Estatuto da Sistel (06/8)
Estatuto da Sistel de 1990 (96)


Plano PBS (antes da cisão):
Regulamento do plano PRV (fevereiro 90) -Não implementado

Cartilha plano CPqD-Prev (não atualizada)

Cartilha planos PBS (não atualizada)


Cartilha planos PBS (não atualizada)


MINUTAS DE REGULAMENTOS ANTERIORES:
OUTROS DOCUMENTOS DE IMPORTÂNCIA:
Edital de privatização do Sistema Telebras (inclui Sistel) (1998)
Acordo entre Patrocinadoras PBS (28/12/99)
Aditivo Acordo entre Patroc. PBS (12/1/2000)
Artigo sobre relacionamento Sistel x Opportunity(2004)
Processo da Fenapas extensão benefícios do PBS a todos planos (2005)
Forum sobre distribuição do superávit 2009 PBS-A(2011) 
Respostas da Sistel quanto a questionamentos de assistido sobre superávit PBS-A(2011)
Histórico Superávit PBS-A_Ezequias
Palestra sobre InovaPrev e CPqDPrev realizada no CPqD (maio 2012)
Vídeo sobre a apresentação do InovaPrev no CPqD (maio 2012)
Participação na Sistel como condição de emprego
Sentença Ação Fenapas relativa ao PAMA - RJ 2003
Sentença Ação Fenapas relativa a cisão do PBS (hecatombe) - RJ 2005
Apelação 2a. Instância Rejeitada Ação Fenapas relativa a cisão do PBS (hecatombe) -TJRJ ago07
Regulamento eleição Conselheiros (2015)

12 comentários:

  1. Caro Joseph
    Gostaria de ter nos arquivos da nossa Aatern, todo este acêrvo constante desta publicação.
    Grato pela atenção
    JOÃO MOURA
    Diretor Adm/Financeiro da AATERN
    NATAL RN
    TF contato 84.3206.0118 * 84.9121.4020 * 9904.2010

    ResponderExcluir
  2. Prezado João Moura,
    Basta vc copiar os links de cada documento e colocá-los no site/blog da Aatern. Eu compartilhei estes documentos no Google Docs com todos aqueles que têm o link.
    No local onde vc os colocar, sugiro uma referência ao Blog Aposentelecom.
    Se não der certo me avise.
    Abs, Joseph

    ResponderExcluir
  3. Prezado Joseph,

    gostaria de saber se vocês tiveram conhecimento da operação "queima de arquivo" feita pela diretora Adriana e sr. Cloves (coordenador de sistemas) na área de Informática da Sistel. Parece-me sintomático que, justamente quando o conselho se mostra preocupado com a "estranha" aquisição do sistema Amadeus, da empresa ATT de Belo Horizonte, o analista Marco Londe, que foi sempre contrário à aquisição e manutenção deste sistema, tenha sido demitido e ameaçado. Mais comprometedor ainda porque ele conduziu estudos para aquisição do sistema, em que o sistema da dita empresa ficou classificado em quarto lugar e mesmo assim foi adquirido a peso de ouro pela direção da sistel.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Anônimo,
      Desconheço esta operação. Caso ela realmente tenha existido vc deveria comunica-lá aos conselheiros eleitos da Sistel.

      Excluir
  4. Outras peças queimadas: Carminha Porto (ex-gerente de TI, contrária a aquisição do sistema), Gurgel (analista), Marco Campos (analista), Alexander Borges (banco de dados), Elaine Carlos (área previdencial), Cristina Adorno(área previdencial) e muitos outros.

    ResponderExcluir
  5. Se, conforme vc. mencionou, os conselheiros da Sistel já estão investigando a compra do aplicativo da Amadeus, o mais correto seria entregar estas denuncias a eles.
    Como nenhuma prova concreta sobre a suposta compra favorecida foi apresentada até o momento, não seria prudente divulgá-la publicamente. Vamos aguardar os resultados do levantamento que os conselheiros estão levando a cabo para depois emitirmos opiniões.

    ResponderExcluir
  6. Esta compra foi aprovada pelo conselho deliberativo em 2008.
    Quem fazia parte do conselho ?

    ResponderExcluir
  7. Resposta recebida da Sistel:

    "Brasília-DF, 27 de maio de 2013

    Prezado Senhor Joseph Haim,

    A princípio gostaríamos de parabenizar o Blog Aposentelecom pela prestação de serviços informativos junto aos nossos Participantes e Assistidos.

    No que diz respeito à nota publicada nesse informativo sob o título “anônimo” ou “queima de arquivo”, a Sistel vem manifestar sua indignação e repúdio em face das alegações irresponsáveis e levianas contidas na referida nota que, escudadas no anonimato, sem nenhum compromisso com a verdade, apresentam acusações infundadas quanto ao sistema corporativo Amadeus adotado pela entidade.

    A Sistel sempre pautou suas atividades nos mais elevados padrões legais e técnicos. Os processos de aquisição de produtos e serviços são absolutamente transparentes. No caso específico do referido sistema corporativo, o processo de definição da solução mais adequada às necessidades da Fundação, atendeu a todas as especificações técnicas e de custo, tendo o processo seletivo seguido as normas internas da entidade com a aprovação pela Diretoria Executiva e pelo Conselho Deliberativo da Sistel, estando a documentação técnica à disposição para consulta por quem de direito.

    Da mesma forma a rotina de contratação e dispensa de colaboradores é pautada estritamente pelas necessidades funcionais da Fundação, que adota política de recursos humanos dentro dos padrões de gestão de pessoas, não cabendo interferências de natureza subjetiva ou personalíssima.

    A Sistel não aceita que lhe sejam impingidas acusações ou insinuações anônimas e inverídicas, e se reserva a adotar medidas cíveis e criminais para fins de proteger seu nome e buscar a devida reparação perante os responsáveis.

    Desde já, agradecemos a atenção e ficamos à disposição para quaisquer informações necessárias.

    Atenciosamente.


    Wilson Carlos Duarte Delfino
    Diretor Presidente

    ResponderExcluir
  8. Voce não teria cópia do acordo entre fenapas e sistel na acao civil publica em 2003?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não creio que exista um documento específico do acordo. O resultado do acordo gerou o regulamento do PAMA-PCE, que é o quinto regulamento da lista deste blog.
      O que tenho e colocarei neste blog é a sentença proferida em 2003 relativa a ação cautelar e civil pública da Fenapas ingressada no RJ em 2001.
      Por favor, da próxima vez identifique-se, mesmo usando a opção de anônimo.
      Grato, Joseph

      Excluir
  9. E possível saber o valor da aposentadoria da pessoa filiada na sistel,pelo cpf.

    ResponderExcluir
  10. Somente com num. De matrícula e senha pessoal do participante.

    ResponderExcluir

"Este blog não se responsabiliza pelas opiniões emitidas neste espaço pelos leitores, mesmo anônimos, e DESTACAMOS que os IPs de origem dos comentários OFENSIVOS ficam disponíveis nos servidores do Google/ Blogger para eventuais demandas judiciais ou policiais".